Feedback
Perfis 1 minuto 25 Dezembro 2020

Chefs compartilham suas resoluções de Ano Novo

2020 chamou atenção para a importância e força do setor.

Quando a meia noite virou e as garrafas de espumante estouraram celebrando a chegada de 2020, ninguém podia imaginar o ano atípico que se anunciava. Difícil para todos, ele impactou de maneira ímpar o setor da gastronomia e da restauração, obrigando os chefs a se recolher, a se adaptar e se reinventar, cada um a sua maneira. Preparando-se para a chegada de 2021, três chefs de restaurantes selecionados pelo Guia MICHELIN dividem suas expectativas e votos para o ano que começa, sem esquecer dos aprendizados trazidos pela adversidade.

Chef Roberta Sudbrack, do SUD, O PÁSSARO VERDE CAFÉ

“Para 2021 meu desejo é de liberdade, respeito, união e fraternidade. Como chefs, somos artesãos de um ofício muito especial, cheio de simbolismos e significados. Temos um papel muito importante nas relações humanas. A nossa ligação com a natureza, com os pequenos produtores e com aqueles que mantém as tradições e a nossa cultura vivas, é essencial para estabelecer um diálogo verdadeiro com a gastronomia que cada um acredita e quer expressar. Que a gente possa em 2021 voltar a exercer esse ofício com toda a sua magnitude e expressão, sem esquecer que a parte mais importante da nossa receita, sempre será a humanidade!"

Chef Paulo Shin, do KOMAH 

"Meus votos vão no sentido da melhoria do mercado, da chegada da vacina e de que as pessoas possam perceber o quão importante é essa questão. Muitas vezes, a gente aprende a dar valor para as coisa quando perde. Houve um baque que nos deixou desprotegidos, mas acho que nos ajudou a perceber a importância do restaurante na sociedade, esse lugar de socialização e de encontro. Esse papel do restaurante às vezes passa desapercebido e pensando no próximo ano só posso torcer pela valorização maior desse espaço e de todo o elemento humano - equipes, cozinheiros, garçons - envolvidos no processo."

Chef Felipe Schaedler, do BANZEIRO

"O ano de 2020 foi de muito aprendizado: descobrimos que nosso negócio é muito sensível, que precisamos estar muito atentos à gestão e à digitalização. Ou seja: precisamos estar em constante movimento. Em 2021 vamos criar conteúdo e trazer novidades para motivar os clientes a apreciarem a nossa gastronomia, feita com muita seriedade, cuidado e carinho."  

Perfis

Siga o Guia MICHELIN nas redes sociais para atualizações e curiosidades.