Chefs Michelin servem jantar no lançamento da edição 2018 do guia RJ&SP

Sete restaurantes trouxeram pratos criados especialmente para a ocasião
Compartilhar

O lançamento do guia MICHELIN RJ&SP 2018 aconteceu, pelo segundo ano consecutivo, no Hotel Unique, na capital paulista. Durante os esperados anúncios das categorias estrelados e Bib Gourmand, a emoção tomou conta dos corações, que comemoraram as premiações ao lado do simpático Boneco Michelin. Em seguida, todos vivenciaram um desfecho ainda mais especial: sete chefs, entre eles, Felipe Bronze e Ivan Ralston, dos novos restaurantes duas estrelas Michelin, Oro e Tuju, apresentaram criações desenvolvidas exclusivamente para a ocasião.
Entre champanhes Veuve Clicquot e um bar para lá de animado, comandado pelo famoso bartender Jean Ponce, os convidados curtiram a noite ao som de música lounge, no salão repleto de atrativos. A Callebaut, por exemplo, apresentou uma escultura de chocolate com a temática Michelin no mundo, esculpida por seu chef chocolatier ao longo do evento. O café foi protagonista no bar da Nespresso, que servia drinques acompanhados da água tônica Prata Premium Mixers e o gin Savvy. 

https://d3h1lg3ksw6i6b.cloudfront.net/media/image/2018/08/07/836dea24d10241b6a897fe5b35df078f_1.jpg

O menu volante, preparado cuidadosamente pelo chef anfitrião Emmanuel Bassoleil, contou com aperitivos como creme de burrata, ceviche amazônico, creme brulée de foie gras trufada e pastel de pato ao curry.

https://d3h1lg3ksw6i6b.cloudfront.net/media/image/2018/08/07/e500a4ca8ce44dc7a30bc05fb019f6b6_2.jpg

Nas bancadas dos chefs, disputadíssimas pelos seletos comensais da noite, os pratos eram, de fato, a atração principal.
O Tuju**, recém-contemplado com a segunda estrela, serviu sopa de camarão, couve rabano e ervas finas.

https://d3h1lg3ksw6i6b.cloudfront.net/media/image/2018/08/07/26e532d9e6e24d7a834a485570a24391_3.jpg

O Fasano*, comandado pelo divertido chef Luca Gozzani, viu seu tartar de Vitelo Tonnato desaparecer das bandejas.

https://d3h1lg3ksw6i6b.cloudfront.net/media/image/2018/08/07/9ccb2012fef14ee4b7dee3a082f408b3_4.jpg

Único Bib Gourmand da noite a servir, o Tanit de Oscar Bosch ofereceu rabada cozida lentamente com húmus, pimentão de la vera e migalhas.

https://d3h1lg3ksw6i6b.cloudfront.net/media/image/2018/08/07/2f43a61cbb574397966f60e01831fb2e_5.jpg

O restaurante Kosushi*, levou duas criações: sashimi de robalo, servido com uma lâmina de gelatina de ponzu e molho yuzu; e pancetta suína com molho de missô, ovo de codorna, chips de batata doce e negi.

https://d3h1lg3ksw6i6b.cloudfront.net/media/image/2018/08/07/e7807fce1d4f4bf7bec8b6d6c1900b3e_6.jpg

O italiano Picchi* trouxe, para o jantar, uma apetitosa porqueta toscana.

https://d3h1lg3ksw6i6b.cloudfront.net/media/image/2018/08/07/c2f5ba286ce14b8281edd7aa9926877f_7.jpg

Do Rio de Janeiro, o Mee* serviu ostras frescas com gema de codorna e ovas de ouriço com molho cítrico, prato que rendeu elogios dos demais chefs;

https://d3h1lg3ksw6i6b.cloudfront.net/media/image/2018/08/07/19ca6b48e3644b6aacc4f743b8c4b02b_8.jpg

E o Oro**, também contemplado, pela primeira vez, com a segunda estrela, serviu tapioca, cavaquinha e caqui.

Compartilhar em:
Assine a newsletter do Guia Michelin
Fique por dentro dos melhores restaurantes, lifestyle, eventos recomendados na sua cidade